Pesquisar no Blog ou Web

Carregando...

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Exercícios sobre o modo imperativo


Pronto para outra?
Ricardo Freire

Para muita gente, esta é a semana mais difícil do ano.
Você volta das férias, tenta se adaptar de novo à rotina e já pressente as surpresas que vai ter ao receber a conta do cartão de crédito. Quando se dá conta, é mais uma vítima da depressão pós-viagem. Eu só conheço uma maneira de sair dessa: começar a pensar já na próxima. Não, não é cedo demais. Nem sintoma de descaso pelo trabalho. Acalentar uma viagem é uma maneira segura de manter aceso o interesse pelo fato gerador de suas férias: seu emprego.
Além do que, planejar uma viagem com antecedência é o melhor jeito de rentabilizar seu investimento. Por que se contentar em aproveitar apenas os dias que você passa longe de casa, quando dá para começar a viajar muito antes de embarcar - e sem pagar nada mais por isso?
Eu gosto de comparar o planejamento de uma grande viagem ao preparo de um desfile de escola de samba no Carnaval. Assim como as férias, o Carnaval em si dura pouco - mas é o grand finale de um ano inteiro de divertida preparação.
É fácil trazer o know how do samba para suas férias. Use os três primeiros meses depois da volta para definir o "enredo" de sua próxima viagem.
Tire os meses seguintes para encomendar guias e colecionar as informações que caírem em sua mão - revistas, jornais, dicas de quem já foi. Vá montando o itinerário mais consistente, descobrindo os meios de transporte mais adequados, decidindo quais são os hotéis imperdíveis. Quando faltarem quatro meses para a partida, tome coragem e reserve a passagem e os hotéis.
Passe os últimos três meses fazendo a sintonia fina: escolhendo restaurantes, decidindo o que merece e o que não merece ser visto.
Depois de tudo isso não tem erro: é partir direto para a apoteose.

Revista Época, 29/01/2007, p. 112 (fragmento).


01 - A partir do quarto parágrafo o autor se vale do imperativo para construir os últimos argumentos de sua estratégia de "convencimento do leitor", mas o texto como um todo mostra coerência na forma de tratamento em terceira pessoa do singular porque, além dos verbos no imperativo, emprega pronomes:

(A) oblíquos, pessoais de tratamento e possessivos;

(B) indefinidos, oblíquos e pessoais de tratamento;

(C) pessoais de tratamento, possessivos e relativos;

(D) possessivos, relativos e indefinidos;

(E) relativos, indefinidos e oblíquos.

02 - Quanto ao emprego do modo imperativo em várias passagens do texto, pode-se interpretá-lo como um recurso usado pelo autor para:

(A) impor ao leitor seus pontos de vista;

(B) conferir ao texto um caráter de roteiro;

(C) reiterar a importância do ato de planejar;

(D) alertar o leitor para o risco da depressão;

(E) emprestar ao texto um traço de humor.

03. Retire do texto quatro verbos no modo imperativo.

_____________________________________________________________________

04. Os verbos que você escolheu estão no imperativo afirmativo ou imperativo negativo? Justifique sua resposta.

______________________________________________________________________

05. Como é formado o imperativo afirmativo e o imperativo negativo?

____________________________________________________________________________________________________________________________________________

06. Para que servem os verbos no modo imperativo?

______________________________________________________________________

07. No 5° parágrafo existe um verbo no imperativo afirmativo. Destaque-o e em seguida escreva qual é a pessoa que ele se refere?

______________________________________________________________________

08. Quais são as pessoas do verbo que formam o modo imperativo?

______________________________________________________________________

09. Conjugue o verbo “passar” (6° parágrafo) no modo imperativo (afirmativo e negativo).

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

"O aprendizado nunca termina. Não existe parte da vida que não contenha lições. Se você está vivo, há lições para aprender."
( Autor Desconhecido )

11 comentários:

  1. eu gostaria de saber as respostas. Onde eu posso encontra-lás?
    (desculpe-me se eu escrevi errado kkkk)

    ResponderExcluir
  2. eu quero saber a seguointe pergunta.Para que servem os verbos no Modo Imperativo???
    É só isso que eu quero saber

    ResponderExcluir
  3. Os verbos no modo imperativo indicam ordem, pedido, solicitação, dependendo da entonação.
    Ex.1: Por favor, faça os exercícios.

    Ex.2:Faça os exercícios que estou mandando.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, ótimo exercício, sou aluna, e estou aprendendo isso, assim posso melhorar, ja que não vou muito bem nesse assunto, Obrigada mesmo.

    ResponderExcluir
  5. 6) PASSAR:
    MODO IMPERATIVO AFIRMATIVO
    passa tu
    passe você
    passemos nós
    passai vós
    passem vocês

    NEGATIVO
    não passes tu
    não passe você
    não passemos nós
    não passeis vós
    não passem vocês

    ResponderExcluir
  6. O modo indicativo é a forma mais explicita e direta de agir sobre o nosso interlocutor. Por meio dele, pedimos, aconselhamos, ordenamos, rogamos, dependendo da intencionalidade do enunciado.

    ResponderExcluir
  7. não me ajudou muito porque estou no nono ano
    mas pro meu irmão do sexto ano deve ajudar,mas eu gostei bastante do seu blog, bem interessante.

    ResponderExcluir
  8. Muito Legal me ajudou bastante, mais voce deveria colocar uns exercícios mais difíceis para o pessoal do 8 ano ou 9 ano. ;)

    ResponderExcluir